Gestão Escolar

Stricto Sensu - Afastamento

Desde 2012, a Secretaria de Estado da Educação do Paraná possibilita aos servidores públicos estaduais pertencentes ao Quadro Próprio do Magistério (QPM) e ao Quadro de Funcionários da Educação Básica (Qfeb), solicitar a liberação de suas funções para cursar a pós-graduação Stricto Sensu (Mestrado, Doutorado e Pós-Doutorado). Contudo, a oferta depende do lançamento de edital próprio que estabelece as normas para a realização de Processo Seletivo Interno. Confira as informações a seguir:

1 - Quais os critérios para o afastamento?

2 - Caso o professor tenha sido afastado para realização dos seus estudos, quais são as regras que ele deve cumprir ao retornar para o trabalho?

3 - Qual o prazo máximo de afastamento para os estudos?

4 - Posso pedir prorrogação, caso necessite? Como funciona?

5 - Posso tirar uma licença para Mestrado e outra para Doutorado?

6 - Posso me afastar para cursar Pós-Doutorado?

7 - Quais Universidades/Instituições de Nível Superior são aceitas para realizar cursos de Stricto Sensu?

8 - Um curso feito no exterior é reconhecido para a carreira?


Processos Seletivos Anteriores

ano 2012
Afastamento 2012
ano 2013
Afastamento 2013
ano 2014
Afastamento 2014
ano 2015
Afastamento 2015
ícone ano 2016
Afastamento 2016

Recomendar esta página via e-mail: