Gestão Escolar

Informativos

12/12/2018

Estudos afro-latino-americanos - chamada de propostas Harvard

O Instituto de Pesquisas Afro-latino-americanas da Universidade de Harvard convida estudantes de todo o mundo para enviarem propostas para participação no Workshop Anual de Dissertações Mark Claster Mamolen, que acontecerá em Harvard (Estados Unidos), de 10 a 11 de maio de 2019, com todas as despesas pagas.

Doutorandos de qualquer parte do mundo, de qualquer disciplina, podem participar. A única exigência é que a pessoa esteja em período de escrita de tese. Estudantes que já participaram anteriormente e não foram selecionados podem tentar novamente.

A única condição feita pela Universidade é que a tese aborde tópicos afro-latino-americanos. A delimitação pode envolver qualquer período de tempo, desde épocas coloniais até o presente.

As propostas podem ser enviadas em inglês, espanhol ou português. Interessados devem submeter uma proposta de três páginas (espaço duplo), resumindo o tema de seu trabalho, e uma carta de apoio de seu/sua orientador/a. É essencial que na identificação da submissão conste o nome completo do/a estudante, universidade e campo de estudo.

Os materiais completos devem ser enviados via internet até 13 de janeiro de 2019, por meio do formulário disponível no seguinte endereço: https://goo.gl/forms/iCChlRJeIWncPAAg1.

Cerca de doze estudantes serão selecionados para participar do workshop. Os/as selecionados/as serão informados/as até 25 de fevereiro e deverão enviar um capítulo da tese (máximo de 50 páginas, espaço duplo, em inglês, espanhol ou português), até o dia 11 de março. Os capítulos serão compartilhados com todos os participantes do workshop.

O Instituto de Pesquisas Afro-latino-americanas cobrirá todas as despesas de viagem, hotel e estadia, para todos os participantes.

Saiba mais no site da Universidade. Clique aqui.



Para confirmar se as oportunidades aqui mencionadas envolvem afastamento de funções e/ou certificação válida para progressão na carreira do quadro próprio do magistério, é preciso consultar o Departamento de Recursos Humanos da Seed.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.