Gestão Escolar

Busca Educação

Notícias

17/05/2013

Resultados do Saep

Assessoria de Comunicação/Seed

A Secretaria de Estado da Educação disponibilizará nesta sexta-feira (17) às escolas estaduais os resultados da primeira aplicação do Sistema de Avaliação da Educação Básica do Paraná (Saep), feita em novembro passado. Núcleos Regionais de Educação, diretores, pedagogos, professores e familiares poderão conhecer o desempenho da escola e de cada estudante avaliado. As escolas receberão senha para acessar os dados pela internet, no portal da Secretaria.

O Saep, elaborado com base nas diretrizes educacionais do Estado avalia o desempenho dos alunos em Língua Portuguesa e Matemática. Os resultados fornecem um diagnóstico da realidade da educação do Estado, do Núcleo Regional, do Município, da Escola, e ainda de cada turma e aluno avaliado. Com estes resultados os professores terão condições de identificar os conteúdos que necessitam de um trabalho diferenciado em sala de aula, independente do ano escolar em que atuam.

“Uma avaliação própria permite estabelecer com mais precisão a relação entre o que se ensina e o que se aprende. A ferramenta também norteia o caminho para melhorar essa relação e aumentar a qualidade do ensino e o desempenho dos estudantes”, destaca o secretário da Educação e vice-governador, Flávio Arns.

RESULTADO - Na primeira avaliação do Saep, as escolas da rede estadual ficaram no padrão de desempenho básico tanto para Língua Portuguesa como em Matemática. Os padrões são: abaixo do básico, básico, adequado e avançado.

Por ano, serão aplicadas duas provas Saep, uma no começo e outra no fim do ano letivo. Da primeira avaliação, em novembro passado, participaram 200 mil estudantes do 9º ano do ensino fundamental e do 3º ano do ensino médio. Em março foi aplicada a segunda avaliação para 300 mil alunos do 6º ano do ensino fundamental (antiga 5ª série) e do 1º ano do ensino médio. Os resultados de março estão sendo processados.

Paralelamente, a Secretaria de Estado da Educação elaborou um plano de ação, a partir dos resultados Saep, que contempla o atendimento para escolas e estudantes, com encontros de formação técnica e pedagógica, bem como a implementação de tecnologias educacionais.

A Superintendente da Educação, Eliane Rocha, aposta em resultados melhores devido às ações que estão acontecendo desde o inicio do ano letivo de 2013. “Começamos o ano com várias ações diferenciadas. São medidas desde educação integral e valorização profissional que certamente vão refletir na qualidade da aula e no aprendizado do estudante, que é nosso principal foco”, fala Eliane.

BOLETIM DA FAMÍLIA – Saep – As famílias dos estudantes avaliados receberão boletins informativos contendo os resultados do aluno e da escola nas duas disciplinas avaliadas: Língua Portuguesa e Matemática. A direção da escola será orientada pela Secretaria a organizar reunião para discutir os resultados com as famílias dos estudantes.

Com o boletim, a família poderá verificar o desempenho do aluno em relação ao resultado da escola. A iniciativa serve ainda para estimular uma maior participação e envolvimento das famílias com a escola e com o processo de educação dos alunos.

O resultado do Saep mostra tanto as dificuldades como os pontos positivos de cada aluno, em cada uma das disciplinas. As duas situações sinalizam os conteúdos que os professores devem focar em sala de aula, com um trabalho personalizado.

AVANÇOS - Neste ano a Secretaria destinou mais tempo para os professores com a ampliação da hora atividade. Em fevereiro a Secretaria aumentou de quatro para cinco aulas semanais e em agosto serão seis horas-atividade. Isso significa que das 20 horas-aula semanais, os professores passarão a contar com o tempo de seis horas-aula exclusivo para planejamento de trabalho, prestar atendimento aos familiares, pesquisa, formação e outras atividades que contribuam para a melhoria da prática pedagógica e nos resultados da aprendizagem do estudante.

A Secretaria também aumentou para o ano letivo de 2013 a carga horária de Língua Portuguesa e de Matemática. A mudança que unificou a matriz curricular nas escolas estaduais garante cinco aulas semanais para cada disciplina, no ensino fundamental.

Educação Integral: Em 2013, estão ocorrendo novos avanços na perspectiva da Educação Integral. Para isso, foram selecionadas cinco áreas: Esporte, Iniciação Científica, Arte, Tecnologia Educacional e Acompanhamento Pedagógico com foco nas dificuldades mostradas no Saep.

As atividades destas áreas começaram a ser ofertadas em março deste ano e atendem a cerca de 350 mil estudantes em todas as regiões do estado.
Esta notícia foi publicada em 17/05/13 no site www.educacao.pr.gov.br. Todas as informações são de responsabilidade do autor.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.